SEET faz alerta sobre a situação preocupante no HRA, onde pacientes aguardam atendimento há alguns dias

19/04/2022 19/04/2022 18:15 116 visualizações

  O Sindicato dos Profissionais da Enfermagem (SEET) recebeu a denúncia sobre o descaso do Hospital Regional de Araguaína, com a saúde e o bem-estar dos pacientes dessa unidade de saúde, que se encontram amontoados em corredores apertados do hospital, aguardando leito. Alguns destes ainda esperando o atendimento.

         O hospital enfrenta uma grave crise, pela falta de materiais necessários para o conforto e atendimento dos pacientes. A maioria das macas se encontra quebradas, não erguem a cabeceira, sendo que o recomendado pelos médicos, é que a cabeça do paciente deve estar recostada em um ângulo de 45º graus e 90º graus para operados. Em uma tentativa de atender à essa demanda, os técnicos de enfermagem tiveram que usar pedaços de papelão para servir de travesseiro aos pacientes, devido à falta de recursos disponíveis.

      O diretor do SEET, Paulo Batista, relata que a situação da superlotação do HRA, é recorrente, e a prática de usar o papelão para repouso, não é novidade. Agiu, em defesa dos profissionais da enfermagem, alegando que tais medidas foram tomadas apenas por não haver alternativa. “O hospital não tem suporte para atender a demanda. E o Governo sabe disso”. Completa.

       A Secretária da Saúde informa que os pacientes que estão nos corredores estão apenas aguardando atendimento médico, para após isso retornar à sua casa. No vídeo da denúncia, notam-se pacientes sendo medicados fora das salas de medicação, nos corredores do hospital e muitos deles, relata o diretor do SEET, na espera há quatro dias ou mais.

      O Hospital Regional de Araguaína, disse que não aprovou tais atitudes, e que esses procedimentos não foram orientados pela direção do HRA, mas a gestão hospitalar também não oferece as condições necessárias para melhor atendimento dos pacientes da Unidade Pública.

 

Por Ascom SEET