SEET vai ingressar com ações coletiva e individual na Justiça, para garantir direitos dos profissionais da enfermagem que são concursados no Estado

05/07/2022 05/07/2022 09:07 276 visualizações

O Sindicato dos Profissionais da Enfermagem no Estado do Tocantins (SEET) vai entrar na Justiça, para garantir, que mais servidores públicos do Estado, que tiveram suas progressões negadas indevidamente pelo Governo do Estado sejam analisadas e pagas.

A diretoria do Sindicato afirma que vai entrar com uma ação coletiva, para proteger os direitos dos servidores públicos filiada ao SEET, que foram apontados como inaptos para progredir mesmo tendo cumprido todas as exigências, além de apresentar toda a documentação necessária, tiveram seus direitos negados pelo Governo, bem como, os servidores não tiveram seus nomes publicados em nenhuma das listas.

A diretoria do Sindicato lamenta o fato e ressalta que, vai buscar as garantias para todos os profissionais da enfermagem.

O SEET está atento e não vai medir esforços em prol dos servidores e disponibiliza o atendimento em sua sede em Palmas e na subsede em Araguaína,  norte do Estado. 

O presidente João Batista, faz um esclarecimento. “Os servidores prejudicados devem comparecer nas nossas sedes, portanto os documentos para serem atendidos”.

Dos Documentos Pessoais

Comprovante de endereço; página do diário com destaque ao nome na lista de inaptos; comprovante da interposição de recurso ou comprovante de apresentação dos documentos necessários ao cumprimento das exigências para concessão das progressões; e certificados (em caso do indeferimento por esse motivo).

Não Filiado

O interessado que por ventura possuir o direito de progressão e teve o recurso indeferido pelo Governo e não está filiado no SEET, também pode buscar o sindicato com a documentação, fazendo a filiação, poderá ser incluído na ação coletiva.

 

Por Ascom SEET