Representantes do SEET e SINTRAS são recebidos pelo secretário de Estado da Administração e tratam sobre assuntos de interesse da categoria

07/09/2022 07/09/2022 14:44 608 visualizações

A reunião aconteceu nesta terça-feira (06) entre Secretaria e Sindicatos de forma tranquila e produtiva. Na oportunidade, os presidentes, João Batista Alves das Neves (do SEET) e Manoel Miranda (do SiNTRAS), puderam apresentar conjuntamente, as demandas dos servidores da área da saúde, e o secretário de Administração do Tocantins. Durante a reunião, Paulo César Benfica Filho informações de grande importância para os representantes Sindicais, mostrando as ações que o Governo está trabalhando, para que os passivos dos servidores tenha um desfecho favorável aos servidores públicos, principalmente no tocante às taxas bancária.

O Secretário, ressaltou o momento de eleições, o que de certa forma dificulta um pouco o trabalho, disse que segue firme nas negociações com as entidades financeiras interessadas e destacou a necessidade de conseguir taxas de juros mais acessíveis. "Estamos trabalhando incansavelmente para que possamos conseguir taxas mais atrativas, mais baixas para os servidores, assim, temos a certeza de que estamos fazendo o melhor para os servidores públicos do Estado".

De acordo com o presidente do SEET, João Batista, a reunião foi produtiva, temos um bom relacionamento com a administração e o secretário Paulo César. “Sempre que nos reunimos com a Secad, cobramos posicionamento do Governo em relação às demandas da Enfermagem. Foi uma boa reunião e o secretário reafirmou o compromisso em avançar no credenciamento das instituições, para oferecer opções ao servidor com a possibilidade de fazer a melhor negociação”.

O presidente do SINTRAS, Manoel Miranda, reforçou que os servidores da saúde, estão confiantes nas ações adotadas pelos sindicatos e solicitou agilidade do Governo para definir as instituições financeiras. “Somos muito cobrados pelos filiados e nós, fizemos nosso papel, solicitamos ao secretário que acelere o processo e credencie os bancos para que o servidor possa fazer sua escolha e receber seus direitos”.

Em relação aos direitos retroativos dos servidores públicos do Estado (os passivos), há de se destacar que, a opção de fazer a negociação, é única e exclusivamente de cada servidor. Os sindicatos alertam aos seus filiados que façam as contas e decidam pela melhor opção e afirmam que vão seguir as tratativas com o Governo, e negociando com responsabilidade e clareza.

 

Por Ascom SEET e Ascom SINTRAS